Condições Gerais
Encontra aqui as informações muito importantes de todas as condições para a realização da sua atividade.
Solicitamos que leia e imprima esta página e que a anexe ao programa escolhido, cumprindo todas as indicações aqui descritas.
Em caso de dúvidas, consulte a SAL.

IMPRIMA ESTA PÁGINA SEMPRE QUE ADJUDICAR UM EVENTO SAL

1 - Destinatários
Os Eventos para Empresas e Grupos SAL são dirigidas a qualquer tipo de grupo, seja oriundo de Empresa, Instituição Privada, Organismo ou Instituição Pública, Grupo Privado de Amigos, Colegas ou Ex Colegas de Estudo ou Tropa e Famílias. Os grupos podem ter qualquer dimensão, sendo que haverá sempre um custo para grupo mínimo, mas não implica que este número seja atingido.

2 - Localização das Atividades
A SAL opera em todo o território de Portugal, havendo atividades que podem ser realizadas em qualquer local do país e outras que estão perfeitamente localizadas e associadas a um território. A SAL pode operar sem qualquer restrição em qualquer país da União Europeia, bastando fazer os seguros respetivos.

3 - Política de Preços
A SAL apresenta uma política de preços muito empenhada com a política "The Best Value for Money", pelo que os valores apresentados são estudados para assegurarem padrões de qualidade, segurança e comodidade acima da média, garantindo que estão asseguradas todas as contingências que forem necessárias para assegurar o sucesso dos eventos. Todos os preços apresentados podem ser alvo de negociação de acordo com o número de participantes, quantidade de eventos ou alterações ao programa.

4 - Envolvimento e Parceria
Consideramos cada empresa ou grupo como parceiros no sucesso do evento, pelo que o empenhamento dos seus responsáveis é imprescindível no desenrolar da preparação, organização e avaliação das atividades.

5 - Pedidos de Informação e Reservas
Os Pedidos de Informação ou Pedidos de Reserva (formulário do site, email ou telefone) não são consideradas Reservas Firmes nem comprometem de forma alguma quem os executa. Após receber um Pedido de Informação ou Reserva, a SAL informa a disponibilidade de programação e data e o custo final da actividade. Caso tudo esteja de acordo com o pretendido, a adjudicação firme deve ser feita pelo grupo através de documento assinado.

6 - Transportes, Alojamento e Outros
Normalmente os programas não incluem custos de transporte, alojamento, aluguer de salas ou extras (entradas em museus, licenciamentos extraordinários, compras pessoais e outros). Caso queiram a contratação destes serviços pela SAL deve ser solicitada orçamentação específica. Sempre que estes serviços estiverem incluídos, estará expressamente referido no programa.

7 - Responsabilidade e Autoridade da Equipa SAL
Os Monitores SAL que enquadram a actividade são responsáveis pela organização do evento, serviço de guia, prestação de explicações sobre os sítios avistados e visitados e sobre os aspectos naturais e culturais do trajecto. A responsabilidade sobre a segurança dos participantes é definida nas suas indicações que devem ser seguidas a rigor. Os participantes de um Evento SAL aceitam que os Monitores SAL são a autoridade no decorrer da mesma e que as suas indicações são soberanas.

8 - Responsabilidades dos Participantes
Os participantes têm a responsabilidade de: conhecer e aceitar as Condições Gerais de participação aqui definidas bem como as condições específicas de cada programa e as condições pontuais informadas pela Equipa SAL, no decorrer da actividade; assegurar os pagamentos das actividades, dentro dos prazos informados; assegurar e garantir que está em perfeitas condições físicas, mentais e emocionais para a prática da actividade; guardar todos os detritos por si produzidos e transporta-los até um ecoponto ou recolha de lixo, preferencialmente no local onde adquiriu os bens consumidos; se for fumador, guardar os filtros usados no saco do seu lixo e respeitar as indicações sobre os locais e ocasiões onde e quando pode fumar; colaborar com os Monitores SAL em situações de acidente, emergência, socorro, amparo a outros participantes ou população local ou outras que se justifique a sua intervenção; usufruir da Natureza e do Património de forma zelosa e ambientalmente sustentável para o meio, os recursos culturais e as populações locais; ter um comportamento socialmente correcto e solidário.

9 - Alterações ao Programado, Cancelamento e Adiamento
Em caso de mau tempo ou outra de força maior, devido a causas imponderáveis ou fora do alcance da SAL, como por exemplo diminuição das condições de segurança e das capacidades de disfrute dos locais percorridos, por interdição dos locais (incêndios, operações militares, autorizações canceladas, vedações inesperadas, ...) ou doença súbita dos seus Monitores, a actividade poderá ser atrasada na sua partida, adiada em todo ou em parte, ou cancelada pela SAL, até ao início da mesma.
Programa Individuais - Sempre que possível a SAL utiliza o seu website para comunicar o cancelamento das actividades. Caso o cancelamento seja feito no início ou desenrolar da actividade não haverá qualquer tipo de indemnização ou compensação aos participantes. Caso já tenha havido pagamento, estes serão devolvidos desde que não tenha sido feito uma hora do tempo de actividade.
Programas para Grupos - A SAL responsabiliza-se pela devolução de pagamentos já efectuados apenas no caso de cancelamento com impossibilidade de adiamento, mas nunca haverá obrigação ao pagamento de qualquer tipo de indemnização. No caso de alterações ao programa, com atraso do início do evento, este será compensado pela disponibilidade da SAL para extensão horária nesse mesmo dia. Em caso de adiamento de actividades ou substituição por outras, nunca haverá qualquer tipo de alteração ao preço e às condições comerciais acordadas na proposta para o programa original. As actividades que precisarem de ser adiadas para nova data, que deverá ser agendada nos oito dias seguintes, deverão acontecer até sessenta dias após a data do evento original. A SAL informará o cliente das datas disponíveis para o adiamento e ficará da responsabilidade do cliente a marcação firme por escrito da data escolhida. Cancelamentos por parte do cliente: Até 30 dias antes da actividade: Devolução da reserva. Menos de 30 dias até 10 dias antes: Pagamento de 25%. Menos de 10 dias: Pagamento de 50%. Menos de 3 dias: Obrigação de pagamento integral do evento. Em conjunto, será sempre procurada uma solução que minimize perdas em caso de adiamento ou cancelamento.

10 - Responsabilidade de Terceiros
Sempre que o programa apresentar falhas (faltas, atrasos, enganos ou outras) imputadas directamente a terceiros subcontratados, cabe à SAL assumir as responsabilidades dessas situações junto do seu cliente. No entanto, qualquer processo que vise a necessidade de reparação de eventuais danos, por processo indemnizatório ou outro, será assegurado em simultâneo com o mesmo a ser feito pelo subcontratado junto da SAL.

11 - Seguros e Responsabilidade

A SAL tem os seguros exigidos por lei.
Acidentes Pessoais - Apólice 027/00002411/000 Liberty Europeia Seguros - Morte ou Invalidez Permanente 20.000,00 Euros -- Despesas de Tratamento 3.500,00 Euros. Ver apólice AP.
Responsabilidade Civil - Apólice 095/00933717/000 Liberty Europeia Seguros - Responsabilidade Máxima de 50.000,00 Euros. Franquia 10% da indemnização com mínimo de 200,00Euros. Ver apólice RC.
Os participantes individuais das actividades agendadas estão cobertos pelos seguros da SAL sem necessidade de listagem prévia ou informação de dados pessoais. Para actividades de grupos a efectivação do seguro de acidentes pessoais é necessário solicitar directamente à Seguradora com nome de todos os intervenientes e acompanhado da descrição das actividades. Caso pretenda acionar o seguro da SAL, a empresa ou instituição cliente deverá enviar para a SAL, até dois dias úteis antes do evento, a lista de nomes e números de bilhete de identidade ou documento equivalente de todos os participantes. Não enviando esta listagem e a solicitação do respectivo seguro, os representantes legais da empresa ou instituição cliente da SAL asseguram ao adjudicar esta proposta que têm coberturas de seguro de acidentes pessoais para as actividades a realizar ou que, não tendo, assumem em pleno as responsabilidades decorrentes de eventuais acidentes. A SAL apenas é responsável pelos valores máximos das coberturas, definidas por lei. A SAL e os seus monitores não são responsáveis por qualquer acidente sofrido ou infração cometida durante a actividade ou nos percursos de acesso a esta. A SAL tem o direito de reclamar pagamento indemnizatório pelo desaparecimento ou dano com dolo dos equipamentos de sua propriedade ou de terceiros postos à disposição dos clientes. Os eventuais acidente de tráfego rodoviário ocorridos durante a atividade não estão cobertos por qualquer destes seguros, sejam viaturas próprias ou alugadas, devendo a responsabilidade deste tipo de situação ser assumida pelos condutores. As infracções de tráfego rodoviário são da inteira responsabilidade dos condutores das viaturas.

12 - Equipamentos e Cuidados Especiais Pessoais
As actividades que decorrem em ambiente exterior ou de Natureza estão sujeitas a diferentes condições atmosféricas e necessitam sempre de ter uma atenção cuidada pela parte dos participantes e dos responsáveis do grupo. Desta forma os participantes são sempre aconselhados a trazer: mochila pequena; chapéu ou boné; botas montanha ou sapatos fechados com sola de borracha rija; roupa desportiva protectora adequada a andar no campo; protector solar e óculos escuros; agasalho ou blusão; protecção para a chuva (quando é previsível que chova); medicação pessoal; boa disposição. Caso hajam cuidados especiais de saúde ou de atenção (doenças crónicas, alergias, fobias, deficiências físicas ou psicológicas) devem ser comunicados antecipadamente. Em atividades que envolvam refeições deve ser comunicado antecipadamente os cuidados especiais (dieta, vegetarianismo, opções religiosas ou outras situações).

13 - Logística e Capitação de Recursos
As atividades da SAL estão estudadas para que os recursos, equipamentos e consumíveis, nomeadamente gastronómicos, esteja adaptados ao grupo que desenvolve a atividade. Atendendo a uma aposta clara na variedade de meios, os processos de capitação foram estudados para serem equiparados, podendo acontecer desequilíbrios pontuais (ex: exagerado consumo de uma bebida num dia de extremo calor, ou de uma salada mais apetitosa face às restantes). Estas situações não podem ser alvo de qualquer tipo de reclamação formal, desde que se mantenham os níveis de recursos alternativos.

14 - Adjudicação
A adjudicação de actividades significa aceitação destas condições gerais e deve ser feita pela pessoa responsável da empresa, instituição ou grupo.
A adjudicação de proposta deve ser feita sempre por envio de documento autenticado pelo cliente em formato PDF ou similar. Aceitam-se como documentos de adjudicação as Notas de Encomenda e Notas de Compra do cliente ou uma simples carta a capear o programa escolhido que deve ser impresso, assinado e carimbado pelo cliente. A proposta deve ser adjudicada até 30 dias antes da data prevista da atividade. Poderá ser adjudicada com menor intervalo de tempo, desde que se confirme a disponibilidade da data. Não se garantem reservas de datas para atividades não adjudicadas. A adjudicação é considerada firme com o recebimento do valor previsto de adjudicação que deve ser efectuado no prazo de 5 dias úteis. Valores de adjudicação: Empresas e Instituições (pessoas colectivas): 30% adjudicação + 30% até 10 dias antes do evento + 40% até 30 dias após o evento. Grupos Particulares (pessoas singulares): 50% com adjudicação + 50% no dia do evento.

15 - Pagamentos
Para pagamentos por transferência utilizar o NIB - 0033.0000.07880488423.98
Banco Millenium BCP, Balcão Setúbal - Luísa Todi

16 - Validade dos programas e valores propostos
Os programas e valores apresentados são válidos nas datas em que se encontram on-line ou por um mês após sua impressão em papel onde conste a data de impressão.

17 - Confirmação de Participantes
O número de participantes deve ser informado até 15 dias antes do evento. Caso o número de presenças seja inferior, será sempre considerado o número de marcações efectuado nesta data. Caso não haja informação será considerado para número mínimo o considerado na orçamentação. As ausências na atividade são consideradas "no-shows" e sempre consideradas para efeitos de faturação.

18 - Licenciamento e Enquadramento Legal
A SAL Sistemas de Ar Livre Lda é uma Empresa de Animação Turística e Operador Marítimo Turístico inscrita no RNAAT 28/2003 - Registo Nacional de Agentes de Animação Turística do Turismo de Portugal IP, e Empresa de Turismo de Natureza reconhecida pelo ICNF Instituto de Conservação da Natureza e Florestas, sendo estas empresas as únicas legalmente autorizadas para realização deste tipo de actividades. Nos termos da lei possui livro de reclamações ao dispôr dos seus clientes, que se encontra na sede da empresa e será facultado por pedido expresso do reclamante no prazo de três dias úteis na morada postal da sede do cliente ou em outro local caso seja de comum acordo entre ambas as partes. Ver Enquadramento Legal.

19 - Entrada em Vigor
Actualizadas e em vigor a partir de 1 Janeiro 2013.


LICENCIAMENTO

LICENCIAMENTO

SEGURANÇA

QUALIDADE


RNAAT 28 /2003


Instituto de Conservação
da Natureza e Florestas

WWW.SAL.PT


SISTEMAS DE AR LIVRE
Telf +(351) 265.227.685 ... Email sal@sal.pt ... Web Site http://www.sal.pt
RNAAT 28/2003 RNAVT 5107 Turismo de Portugal IP. NIF 503 634 379.
SAL é uma marca registada. Todos os direitos reservados.