| Início |

Passeios Pedestres SAL

O Aqueduto
ESTA LISBOA QUE EU AMO - PATRIMONIAL
Vigilante e sereno o Aqueduto das Águas Livres dá as boas vindas a quem entra em Lisboa pelo Vale de Alcântara onde, garbosamente, exibe o maior arco ogival do mundo. Ao longo de mais de cinquenta quilómetros e com uma complexa rede de canais a montante e de distribuidores a jusante, abasteceu Lisboa com a preciosa água durante mais de duzentos anos. Ponto de passagem pedonal ficou tristemente célebre pelos assassinatos cometidos pelo último condenado à morte em Portugal. Nos nossos dias é orgulho de todos os Portugueses e percorrer o seu passadiço é admirar uma engenharia fabulosa e avistar paisagens fantásticas.

Passeios Patrimoniais
O que são ?

Conhecer Lisboa é também ir visitar os seus Museus e Monumentos. Estes passeios são o Motivo para que visite este locais de forma coordenada e sempre bem acompanhada. Começam por um Passeio Pedestre SAL de cidade que conduz à visita de um local de elevado interesse, acompanhada por quem mais sabe sobre a temática.

Em 2018, a entrada no Aqueduto ao fim de semana é gratuita, pelo que neste passeio é apenas cobrado o bilhete de atividade SAL
.

Descrição
Percurso Motivacional: Urbano dentro da Cidade de Lisboa.
Motivo de Visita: Aqueduto das Águas Livres - Museu da Água da EPAL.
Assuntos de interesse: Amoreiras e sua história, Torres do Arquiteto Tomás Taveira, Bairro de Campolide, Arquitetura do Século XIX e XX, Villa Raúl de rendimento e Vila Rmão Dias de carater social social, Capela da Cruz das Almas, Relógio de Sol, Arco do Carvalhão, Chafariz das Almas, Portas Secretas do Aqueduto, Arquitetura Português Suava, Passagem Pedonal, Pedreiras dos Mestres, Vila Maria e Vila Santos, Marcas de Canteiros, Aqueduto das Águas Livres, o mair Arco Ogival do Mundo, Diogo Alves e a Parreirinha da Palhavã, história de uma cabeça perdida.

História
Código SAL: 122-12
Primeira edição:

Número de realizações:
Total de caminheiros:
Percurso original: Identificado, reconhecido e criado pela SAL.
Originalidade: Percorrer a pé todo o passadiço superior do Aqueduto das Águas Livres.


Informações Técnicas
Tipo de percurso:
Linear.
Meio: Urbano.
Duração aproximada: 3 horas incluindo atravessamento de ida e volta no cimo do Aqueduto.
Dificuldade: Baixa O que é o Grau de Dificuldade ?


Como Participar
Data:
Ver Agenda Individuais.
Hora de Encontro:
Ver Agenda Individuais.
Inscrição:
Não necessita inscrição prévia. Basta aparecer.
Preço individuais:
8,00Euros.
Pagamento:
Em dinheiro, no local. Levar dinheiro trocado.
Cartão SAL:
Gratuito para titulares. Ver Cartão SAL.
Bilhetes Pré-Comprados:
Um bilhete. Ver Pré Comprados
Em exclusivo: Quando quiser, por marcação. Peça informações.


Como Chegar
Local de encontro:
Porta do Hotel D.Pedro Palace, Amoreiras, Lisboa.
Coordenadas geográficas
(GPS): N38º42'28'' W09º09'36''
Acesso: Metro: Rato (linha amarela).
Carris: Amoreiras 701,702,712,713,742,758.
Onde estacionar: Parque Centro Comercial Amoreiras, Parque em Campolide.

Observações
Não aconselhável a crianças menores de 6 anos, por ter muitas paragens e explicações históricas.
Mantenha-se atento às explicações e ao próximo ponto de paragem, pois é fácil perder o grupo no meio da multidão.
Atenção aos carteiristas. Mantenha a sua carteira em local seguro. Caso use mala tipo mochila, coloque os objectos de valor no fundo da bolsa grande e algo a servir de tampão acima destes (livro, peça de roupa, jornal). Não tenha nada nas bolsas exteriores. Tome especial atenção quando parar nas passadeiras.

PASSEIOS PEDESTRES SAL EM WWW.SAL.PT



SISTEMAS DE AR LIVRE
Telf +(351) 265.227.685 ... Email sal@sal.pt ... Web Site http://www.sal.pt
RNAAT 28/2003 RNAVT 5107 Turismo de Portugal IP. NIF 503 634 379.
SAL é uma marca registada. Todos os direitos reservados.